Como já comentei em outros posts, a Comtex assumiu uma das franquias da Concilia Soluções, empresa responsável pela comercialização do sistema Conciliador em todo o Brasil. A conciliação de cartões, para quem ainda não conhece, é uma forma automatizada de auditar as vendas feitas com cartões de crédito, débito e benefícios. Quem trabalha no varejo sabe muito bem como é complicado checar se tudo que foi vendido no cartão entrou na conta da maneira correta. E, acreditem, erros e fraudes são mais frequentes do que vocês podem imaginar. Então, é por isso que recomendo a leitura deste artigo escrito por Marcos Tadeu Gomes, CEO da Concilia Soluções, para o site do Infovarejo:

Sistema de conciliação de cartão de crédito: não dá pra ficar sem

Neste artigo, Tadeu Gomes defende que o sistema de conciliação de cartão de crédito deve ser uma ferramenta permanente do controle financeiro da empresa. Mesmo após acabar com os primeiros sintomas da doença (no caso os prejuízos) é preciso continuar executando ações para assegurar que eles não voltem a incomodar a saúde da sua empresa. 

No artigo, Tadeu Gomes, compara a ferramenta de conciliação com um plano de saúde. É algo que você precisa manter o tempo todo para se prevenir de qualquer eventualidade.

É importante não confundir o termo Conciliação de Cartões com o termo Conciliação muito utilizado na área jurídica. A Conciliação jurídica é uma mediação realizada entre partes que disputam alguma questão. O objetivo é tentar um acordo entre as partes evitando a necessidade de se acionar a justiça que já anda para lá de sobrecarregada. Já a Conciliação de Cartões existe para facilitar a vida de lojistas, empresários e comerciantes que perdem muito de seu tempo produtivo para checar se estão recebendo tudo que deveriam. Com a ferramenta do Conciliador, o empresário poupa tempo, recupera prejuízos e pode se concentrar mais no seu core business, que é o que interessa.